Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 6, 2015

O poder..sempre entre nós

Umas das grandes lições de Max Weber é apontar a constância do poder perpassando todas as instâncias sociais, a sociedade como um todo. 
Hoje se estuda aspectos dos aspectos micro-micro do simbólico, das representações etc e tal.  Mas desde quando as relações acontecem distantes das normas, das relações de poder, como bem lembra Giddens? O poder mesmo quando consentido, aceito e desejado (legitimado - autoridade) permanece enquanto relação assimétrica. Condicionamento, direcionamento, prevalecia de vontade existem. 
Há no poder não só um dimensão cênica e performática  ressaltado por Balandier. Certa vez, em uma entrevista, o saudoso Brizola indagado sobre o poder ele disse: "A possibilidade de fazimento". Bem, essa possibilidade de fazer pode ter desdobramentos benéficos e catastróficos. É sempre a parte mais desejada do exercício poder. 
Porém, o poder tem algo mais que o fazer, algo que o tira da condição de meio para realizar e o coloca com um fim em si mesmo. Isso ocorre q…