sexta-feira, janeiro 04, 2013

PT saudações. Fui!



“Só não muda de ideia quem não tem ideia”. “Triste não é mudar de ideia, mas não ter ideia.”
Minha filiação no Partido dos Trabalhadores (PT) data de 1991, mas antes disso já votava e militava nesse partido. Permaneci até hoje por livre e espontânea vontade. Por isso, não vou criar nenhuma lista de desilusões ou culpar alguém para justificar minha saída. Não preciso amaldiçoar e nem responsabilizar ninguém para ser álibi da minha desfiliação. Saio livremente... O PT mudou e eu mudei.
Na primeira metade da primeira década dos anos 2000 fiz críticas ao PT e suas novas formas/fórmulas de aliança, sua organização de tipo de cúpula e sua tendente verticalização do poder interno. Também sinalizei sobre a relação Lula e PT, particularmente o que se convencionou chamar Lulismo.
Sair não é difícil... Difícil é o para onde ir (?).
Saio de forma verdadeira, não quero ser mais um DESFILIADO FANTASMA, tipo aqueles que “saíram” do partido, mas que ficam o tempo todo seguindo os eventos do PT, fazendo aparições em corredores, em mesas de acordos e/ou tentando se encostar em negociações para barganhar e tirar dividendos em cima dos serviços prestados. Saída é saída.  Também não quero ficar fazendo coro junto à crítica que ver todos os descaminhos nas lideranças locais e inocenta por completa a direção nacional, desvinculando os pactos locais dos nacionais.
Na próxima semana entrego meu pedido de desfiliação no Diretório Municipal, no Diretório Estadual e mando por correios uma cópia para a Direção Nacional.
Fiz o que pude. Não fui um militante típico. Eu sigo meu rumo e o PT, partido, segue o seu!
Grande abraço a todos e a todas que ficam e, especialmente, os que um dia ousaram sonhar!  
PT saudações!
Francisco José Araujo. 

Hoje é Páscoa.

sexta-feira, 30 de março de 2018 12:40 Hoje é Páscoa. ·         Por Francisco José A Páscoa é uma data maravilhosa, porque rep...