quarta-feira, janeiro 28, 2015

Refinaria Premium e as eternas fórmulas de iludir

Recebo com tristeza o desfecho da refinaria Premium. Não sei com alguém pode sentir alegria com a paralisação do projeto.  Devemos é lamentar essa corrupção e essa forma de fazer campanha eleitoral que torra dinheiro público e tira a esperança das pessoas. 

Tudo o que foi feito lá deve ser investigado e devidamente apurado. Porém, é preciso saber distinguir a esperteza de alguns e a importância de projetos como esse. Eu fui um dos primeiro a dizer que essa refinaria jamais seria construída naquele período de tempo, ainda mais para refinar petróleo do pré-sal. Mas, sou defensor de um projeto desse porte para o Maranhão. Defendo o projeto como ele deve ser e com os devidos controles sobre o uso dos recursos públicos e empregados de acordo com as finalidades previstas. 

Esse tipo de refinaria atrairia inúmeras outras empresas para o Maranhão, porque horizontaliza a produção (diferente da Vale e Alumar) e isso geraria muitos empregos, o que colocaria mais dinheiro e recursos no nosso estado. Vide o que aconteceu em Camaçari na Bahia. Infelizmente aqui as coisas são só para ser alegorias eleitorais e para alimentar a pilhagem do Estado, mas o Maranhão precisa de novos investimentos e projetos desse porte.

Agora, depois de sucessivos escândalos, a Petrobrás anuncia a paralisação da construção da refinaria Premium. Cabe lembrar que é um anúncio pós eleitoral, mas a paralisação já ocorreu há tempos. Após de uma sangria de bilhões, no local restou um imenso terreno desmatado, uma "obra" de terraplanagem um tanto quanto duvidosa no custo e na finalidade. Com isso, essa refinaria entra para o rol dos empreendimentos geradores de ilusões. Nem o milagre e nem o santo. Na década de 70 a ilusão foi montada com uma siderúrgica que viria para cá. Como sabemos, nunca existiu! E assim foram os outros empreendimentos instalados aqui como salvadores e redentores de nossa miséria. (Sem superar a miséria política todas as outras miséria continuarão fortes)  

Lamentável esse desfecho, principalmente depois de uma devastação monstruosa da vegetação e dos bilhões que sumiram para nada.

Ser oposição não é torcer por tragédia e nem vibrar quando elas acontecem. Torcer pelo pior é diferente de fiscalizar e exigir o correto, o que é benéfico a todos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É uma satisfação contar com seu comentário! Obrigado!

Hoje é Páscoa.

sexta-feira, 30 de março de 2018 12:40 Hoje é Páscoa. ·         Por Francisco José A Páscoa é uma data maravilhosa, porque rep...