Pular para o conteúdo principal

Entre a Constatação e a transparência

Ônibus avançando o sinal vermelho no retorno da Forquilha.. 

Coloquei 180 dias de crédito na gestão do Sr. Holanda e os mantenho. Antes de seis meses é difícil avaliar os mandos e desmando de uma administração. Querer algo antes disso é ignorar a real complexidade da máquina administrativa ou é completa e total má fé. Porém, cabe alertar.

O tempo não pára. Hoje completou 16 dias e logo, logo serão 365 dias.  A administração começa quando você faz algo efetivamente. Não se pode perder 06 meses só em reuniões e análises. É preciso agir. 

Algumas coisas nem precisa ser o rei da cocada preta e nem Phd nas altas ciências ocultas para saber que sem recursos suficientes para cobrir os gastos, as despesas etc., recomenda-se , desde a Antiguidade, cortar gastos. 

Ora, não se pode cortar todos os gastos. Diante disso, resta selecionar o supérfluo, o não essencial e acessório para serem eliminados e impedir a continuidade dos gastos e reduzir despesas.  

Por que a clientela eleitoral castelista ainda não foi demitida? Por que essa leva de contratados para alavancar a eleição da filha do ex-prefeito permanece inchando a folha de pagamento  que estão inchando a folha de pagamento e  cuja finalidade era tão somente a manutenção do clientelismo eleitoral? 

Quanto maior for a demora das demissões, maior vão ficando os encargos e dívidas. Pois esse contingente vai continuar pesando na folha de pagamento. O Estado (poder municipal) não é para fazer caridade, mas políticas sociais e públicas. Faça ações para atrair investimentos da inciativa privada que gerem emprego. Por outro lado, faça concurso onde for necessário e prioritário. Chega dessa manutenção de clientela eleitoral em prejuízo do bem comum. Se isso é uma tentativa de converter essa gente em aliado... vai repetir a mesma ingenuidade cometida por várias ilhas do governo arquipélago Jackson Lago. 

Quanto a questão da transparência. Já está passando da hora de abandonar discurso e postura de campanha. As irregularidade encontradas ou os indícios de irregularidades devem ser devidamente documentadas e formalmente encaminhadas às autoridades competentes. Blá-blá não é transparência, disse-me-disse também não é. À postura transparente se deve somar a apuração devida e responsabilidade pautada no Direito. Isso evita de ser injusto. 

No mais, a cidade está uma baderna uma "anarquia" (no sentido vulgo e pejorativo). Ninguém está respeitando o mínimo das normas de trânsito. Aí é que se deve atuar imediato com as devidas multas. Cadê a Guarda Municipal? Não tem como cobrir toda a cidade e os principais pontos? Então que se faça um convênio. 

No mais... não se vai negociar sem pauta de negociação. Os itens de reivindicação devem estar acompanhados de planilhas demonstrando os custos, as receitas e a contrapartida deve estar quantificada e delimitada. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AÇÃO DIRETA E LEGÍTIMA DEFESA PACÍFICA

Green Politics must become the Politics of the Regions – all the Regions, from the celestial to the subterranean. Let the next Gathering of the Greens conduct all its business in poetry. This will foreshadow the day when America will be Green. Even better, the day when for a small fee we do an international name exchange and America becomes a large frozen island, while Green Land extends from sea to shining sea. The day when Green Politics rules. The day when the President pantomimes the Inaugural Address and sings the State of the Union in falsetto. The day when the Supreme Court sits naked in powdered wigs and hands down rulings in Pig Latin. The day when the Congress throws a multi-party and dances all the Laws out of existence.(Trecho do The Surre(gion)alist Manifesto , John P. Clark)
É preciso ultrapassar as formas mórbidas e dilacerantes da política atual. Não adianta só as contestações, enquanto persistir seus mecanismos genocidas e desumanizantes é necessário agir diretamente s…

Governo de Flávio Dino rumo ao último biênio

Tive uma educação libertária, isso já é suficiente para não adorar ídolos, heróis e nem acreditar na doutrina da "vanguarda revolucionária", o que entraria em conflito direto com as percepções e entendimentos que tenho sobre o que é História. Logo não tenho vocação a discípulo, a servo, a escravo e nem a puxa-saco ou lacaio. Minha torcida é cívica e republicana pelo governo, pela governabilidade e governança que, cumprindo os parâmetros de governo da lei, responda às necessidades do povo e aos negócios públicos com responsabilidade, competência e publicidade.
Em democracia a crítica e a contestação são direitos do cidadãos não é uma dádiva do governante. A contestação e o reclame não precisa de um aceite prévio ou concessão do ocupante do poder. Assim, a esfera da democracia guarda tensões e um certo nível de dissenso. A discordância não precisa estar fundamentada ela é. Isso difere de acusações em atos e procedimentos que configurem como crimes. A crítica, longe de ser uma …

Ação Penal 470 - Filhos do Brasil

                                         Por  Washington Ribeiro Viégas Netto*

"Quando o homem inventou a roda, logo Deus inventou o freio. Um dia, um feio inventou a moda, e toda a roda amou o feio". Zeca Baleiro.

Tenho acompanhado com especial atenção o julgamento do mensalão pela nossa mais alta corte de justiça, o STF. Penso que o resultado ali proclamado nos dará uma medida atual do quanto já nos distanciamos da pecha “república de bananas”; forma de governo que ainda persiste em países destas latitudes. No decorrer de todos esses anos em que tramita o processo, tem sido uma rara oportunidade de o Brasil reafirmar a força e solidez de suas instituições, soberanamente constituídas, quando confrontadas com um, ao que tudo parece, projeto de poder que, por meio de um conhecido método de aparelhamento estatal, tentou um processo de clivagem dessas mesmas instituições. Porém, antes mesmo de iniciado o julgamento, acredito que o saldo é favorável ao Brasil. O Supremo é composto d…